SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Em um jogo sem muitas chances de gol, Bahia e Cruzeiro empataram por 0 a 0 na tarde deste sábado (20), pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo foi disputado na Arena Fonte Nova, em Salvador.
Com o resultado, a Raposa engata a oitava partida seguida sem vitória no torneio e chega a dez pontos. O time de Mano Menezes ocupa a 16ª posição e deixa a zona de rebaixamento. O Bahia é o nono colocado do torneio, com 15 pontos.
O Cruzeiro volta a campo em 23 de julho, às 19h15 (de Brasília), diante do River Plate, da Argentina, pela ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América. O clube de Salvador entra em campo novamente em 28 de julho, contra a Chapecoense, pela 12ª rodada do Brasileiro.
Mano Menezes escalou um time alternativo para enfrentar o Bahia neste sábado. O técnico gaúcho não levou nem um titular sequer para a Arena Fonte Nova. Com um trio de volantes no meio-campo, o Cruzeiro apostou em contra-ataques para chegar à meta adversária. O time ainda foi quem levou mais perigo. O jovem Éderson teve uma ótima oportunidade de estufar a rede, mas falhou no momento da finalização.
Fred vive uma fase complicada no Cruzeiro. O atacante não sabe o que marcar um gol há 12 partidas. A última vez que ele celebrou foi em 23 de abril, na vitória sobre o Deportivo Lara, da Venezuela, pela Copa Libertadores. Isso faz com que Mano Menezes aposte em outros nomes para o ataque. Pedro Rocha já foi utilizado. Hoje, foi dia de Sassá. O atacante, no entanto, não convenceu em campo e pouco perigo levou à meta do Bahia.
O Bahia perdeu Arthur Caíke, expulso, aos 42 minutos do primeiro tempo. Mesmo com um a menos em campo, o mandante foi quem criou as principais oportunidades de balançar a rede. Com Gregore em boa tarde e Ezequiel aproveitando os espaços nas costas de Dodô, a equipe comandada por Roger Machado chegou com frequência à área adversária, mas em diversas oportunidades falhou no momento da finalização. O time da casa teve mais posse de bola mesmo com a inferioridade numérica.
O Cruzeiro ampliou a seca de vitórias no Campeonato Brasileiro na tarde deste sábado. Com o empate em 0 a 0 na Arena Fonte Nova, os comandados de Mano Menezes chegaram a oito jogos consecutivos sem vencer. Neste período, a equipe obteve quatro derrotas e quatro igualdades. O último triunfo na competição foi 5 de maio. Na ocasião, os mineiros bateram o Goiás por 2 a 1, no Mineirão.

BAHIA
Douglas Friedrich; Ezequiel (Ronaldo), Lucas Fonseca, Juninho e Giovanni; Gregore; Artur, Flávio, Ramires (Lucca) e Arthur Caíke; Gilberto (Fernandão).
T.: Roger Machado.

CRUZEIRO
Rafael; Weverton, Fabrício Bruno, Cacá e Dodô; Jádson, Ariel Cabral e Éderson; Maurício (Rafael Santos), Sassá (Vinícius Popó) e David.
T.: Mano Menezes.

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (Fifa/SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa/SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)
Cartão amarelo: Arthur Caíke, Ezequiel (Bahia); Cacá (Cruzeiro).
Cartão vermelho: Arthur Caíke – 42’/1ºT (Bahia).