SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A seleção da Holanda bateu a Itália por 2 a 0, neste sábado (29), e está classificada para as semifinais da Copa do Mundo feminina. A adversária será a Suécia, que a bateu Alemanha por 2 a 1. 
Já a seleção dos EUA venceu a França por 2 a 1, nesta sexta-feira (28), e também está classificada para as semifinais. A equipe americana enfrenta a Inglaterra, que bateu a Noruega por 3 a 0 na quinta (27).
As semifinais são disputadas na terça-feira (2) e na quarta (3), e a decisão acontecerá no domingo (7). 
Esta é a oitava edição do torneio, que foi disputado pela primeira vez em 1991.
Pela primeira vez, a seleção holandesa está na semifinal do torneio. A seleção, atual campeã da Euro, venceu as italianas, com uma vitória de 2 a 0, neste sábado (29), em Valenciennes. Miedema abriu o placar e Stefanie van der Gragt marcou o segundo gol com apenas dez minutos para o fim do jogo. Até agora, a Holanda não perdeu nenhum jogo, marcou dez gols e sofreu cinco. 
No segundo jogo do dia, a Suécia venceu da Alemanha. A seleção germânica, bicampeã da Copa, abriu o placar com um gol da Lina Magull. Mas, logo depois, Alexandra Jonson, a camisa 10 da Suécia, fez o segundo gol e empatou o jogo. Aos 48 minutos, Stina Blackstenius faz o segundo gol pela seleção sueca.
O melhor resultado do país foi o vice-campeonato na Copa do Mundo, em 2003. Nesta edição, a Suécia marcou dez gols e sofreu três.
Três vezes campeã do torneio e atual bicampeã consecutiva, a seleção americana superou as francesas, donas da casa, com uma vitória por 2 a 1 nesta sexta (28). Megan Rapinoe marcou duas vezes e chegou a cinco gols na competição. Renard descontou para as anfitriãs, que haviam eliminado o Brasil nas oitavas. Os EUA marcaram 22 gols e sofreram apenas 2 até aqui na competição.
Mais uma vez sem sofrer gols, as inglesas avançaram à semifinal do Mundial com vitória por 3 a 0 sobre a Noruega. No campeonato, levaram apenas um gol, na fase de grupos, e já marcaram 11 vezes (seis no mata-mata). O melhor resultado das inglesas foi a terceira posição, em 2015. O destaque ofensivo é Ellen White, com cinco gols.